Adega climatizada: É essencial controlar a umidade

Antes de mais nada, você precisa saber que é indispensável controlar, não só a umidade, mas também a temperatura no interior da sua adega climatizada. Então, este post é dedicado inteiramente a causa e o efeito da umidade sobre o vinho de guarda com o passar do tempo. Por outro lado, a temperatura adequada para manter a bebida será objeto de uma próxima publicação.

Entenda as diferenças entre vinho de guarda e de mesa

Veja que, a maioria dos vinhos engarrafados que possuem tampa de rosca ou plástica e, que estão à venda nas lojas, são tidos como vinho de mesa ou leve, pois destinam-se ao consumo rápido, algo como até um ano. Entretanto, a maior parte das pessoas os consome em poucas semanas, sendo este o caso, não será necessário controlar a umidade da sua adega climatizada.

Conserve os vinhos de guarda ao controlar a umidade da adega climatizada

Ocorre que, a gestão das condições climáticas, entre elas a umidade relativa, é importante para uma outra categoria desta bebida, qual seja, aquela denominada como vinho de guarda ou de alta qualidade. De certo, estes vinhos são armazenados por 10 anos ou mais, além disso, sua degustação se dá somente em ocasiões especiais, inclusive, a sua rolha é um item colecionável. Portanto, estes são os vinhos mais apreciados pelos enófilos, pois eles atingem o apogeu conforme envelhecem na própria garrafa, contudo, eles devem ser preservados numa atmosfera controlada.

Controle de umidade no envelhecimento do vinho dos melhores terroirs

França: Regiões da Borgonha, Bordéus e Champagne;
Itália: Regiões da Toscana, Piemonte e Veneto;
Estados Unidos: Região do Vale de Napa na Califórinia;
Espanha: Regiões de Priorat, Rioja, Cataluña, Toro e Castilla y León;
Chile: Regiões do Aconcágua, Valle de Itata e Atacama;
Portugal: Regiões do Alentejo e do Douro;
Argentina: Região de Mendoza;
Brasil: Regiões da Serra Gaúcha, Planalto Catarinense, Campanha Gaúcha e Vale do São Francisco.

O controle de umidade é importante para conservar os vinhos dos melhores terroirs

A climatização artificial reduz a umidade na adega sob medida

Veja que, os vinhos dignos de conservação e envelhecimento provem dos melhores terroirs, ou seja, das melhores regiões vinícolas, haja visto que, elas reúnem características específicas referentes à geografia, à geologia e ao clima da localidade. Desta forma, estes itens conferem um caráter único a bebida.

Ademais, a interação entre os ambientes físicos e biológicos, presente nas adegas climatizadas feitas sob medida, inclusive, as práticas adotadas por cada enófilo para conservar a garrafa de vinho, influenciam decisivamente na qualidade da bebida.

Hoje em dia, o método de climatização da adega planejada é artificial, ou seja, se faz uso de equipamentos para preservar as condições propícias ao envelhecimento do vinho. Nesse sentido, ao controlar a temperatura do ambiente ocorrera a alteração no índice de umidade da adega climatizada, pois temperatura e umidade são grandezas diretamente proporcionais, então, ao diminuir a temperatura se reduz a umidade.

O controle da umidade relativa do ar no interior da adega fabricada sob medida é muito importante, se não essencial, não apenas para que os vinhos de alta qualidade envelheçam e aprimorem suas características, mas também para coibir o surgimento de mofo.

E por que falamos isso? Porque os melhores rótulos de vinho, aqueles tidos como de guarda, possuem a rolha confeccionada em cortiça e ela se resseca diante da baixa umidade permitindo, desse modo, a entrada de ar na garrafa e, consequentemente, a oxidação do vinho.  

Umidificador ultrassônico para adega climatizada planejada, modelo UMD/US.005

Por conta disso, a cave de superfície dos mais experientes enófilos e enólogos conta com um umidificador acoplado a um termohigrometro, sendo que, ambos são necessários para o controle da umidade.

Existem no mercado variadas opções de umidificadores para adega. Entretanto, nos parece que o Umidificador ultrassônico é o mais eficiente, não apenas por não interferir negativamente no processo de amadurecimento do vinho, mas também pelas suas características técnicas superiores, inclusive pelo porte reduzido e facilidade de instalação, pois ele é do tipo plug and play.

Adega climatizada: Os métodos e condições para guardar suas garrafas de vinho

Se você, como apreciador de um vinho de qualidade em seu esplendor, não abre mão de possuir uma boa coleção de rótulos renomados, deve estar ciente que além de controlar a umidade relativa em sua adega climatizada, outros fatores devem ser considerados, tais como:

Como guardar as suas garrafas de vinho

 Temperatura: prefira as adegas com compartimentos separados e com temperaturas distintas para espumantes, brancos e tintos, tais como de 8º a 16ºC;
 Umidade relativa: empregue o controle de umidade para conservar um índice constante de 70%UR no interior da adega planejada;
 Ventilação: o ar circulante inibe o surgimento de microorganismos, tais como o mofo que contaminam a bebida e estragam os rótulos;
 Posição das garrafas: manter o vinho na posição horizontal é importante para que a rolha fique úmida;
 Distância entre cada garrafa: prefira as prateleiras que mantenham ao menos 5 centímetros entre as garrafas guardadas;
 Iluminação da adega: prefira a penumbra, pois a luz altera o sabor e aroma da bebida, além disso, os raios ultravioletas contribuem para oxidação do vinho, inclusive, envolva em papel as suas garrafas mais preciosas;
 Vibração: evite as vibrações, porque elas fazem o vinho perder a intensidade e, assim ele tende a ficar mais doce.
 

Por fim, observando os cuidados mencionados a sua adega sob medida reunira todas as condições necessárias para responder as expectativas e, com toda certeza, poderá conservar a qualidade do vinho nela armazenado, de forma que, a bebida atinja o apogeu com o passar dos anos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.